Pesquisa
Filters
Fechar

Peça do Ano

Paulo e Virgínia

Paulo e Virgínia é uma réplica, em menor escala, do par de rãs gigantes de autoria de Raphael Bordallo Pinheiro, criadas em 1889 e destinadas à decoração de lagos e jardins. Reza a tradição da Fábrica que Bordallo terá mesmo apelidado estas duas personagens de Paulo e Virgínia, inspirado no romance Paul et Virginie, de Bernardin de Saint-Pierre, de 1787. Este grupo escultórico ornamentou o Parque D. Carlos I, nas Caldas da Rainha, de 1914 a 1920, como se pode constatar em postais da época, e marcou presença no pavilhão português da Exposição Universal de Paris, em 1889. O par de rãs enamoradas foi exibido por Raphael como uma das peças principais na sua exposição no Rio de Janeiro, em 1899, aquando da apresentação no Brasil da sua majestosa Jarra Beethoven.